sexta-feira, 30 de novembro de 2012

SEXO: BROXOU NA PRIMEIRA VEZ E QUERIA SAIR NOVAMENTE


Não foi tão bom assim, da outra vez em que saímos só estava gostoso no começo, antes dele broxar! Ele estava desanimado e acabou não terminando o serviço e acredita que chegou a mentir que gozou só pra não sair por baixo?

Ele me procura novamente, acabou insistindo que saíssemos, pois ele queria gozar, nada de boquete ou punheta, diz ele que queria fuder e meter com tudo! Claro, não acreditei em nada do que disse, tinha a certeza de que me deixaria na mão como fez da outra vez.

Acabei saindo, mas sem vontade alguma, estava desanimado e muito cansado e sem o menor tesão de ficar com ele novamente, ele percebeu que não estava a fim, mesmo assim queria algo comigo. Antes de chegarmos em casa dei a desculpa de que queria ficar em outro lugar, assim despistaria e não precisaria trazê-lo aqui para fazer algo, no escondidinho em um lugar deserto o levei e comecei numa punheta, seu pinto não subia! Tocava punheta, chupava e nada! Consegui ver o futuro e soube exatamente o que iria acontecer. Ele me “comeria” e me irritaria por broxar.

Estava sem camisinha comigo, disse a ele que iria em casa buscar e era pra ele ficar me esperando onde estávamos, ele fica eu vou e não volto!

Ah, não! O cara da outra vez além de ser muito ruim de cama, me comeu numa rapidinha, broxou, não gozou e mentiu que gozou! Na hora de pagar, achou “justo” me dar metade do dinheiro por não ter sido um programa completo. Com raiva aceitei sabendo que nunca mais sairia com ele novamente. Hoje ele resolve me procurar pra “compensar” e fazer o que não fez aquele dia? Comigo não. O fiz ficar na rua me esperando, não foi o melhor jeito, mas dei o troco pela palhaçada que me fez da última vez.

 
Leia Mais ►

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

SEXO: SEGUNDO PROGRAMA NA SEMANA - SEU TESÃO ERA TANTO QUE ME DEIXOU TODO MARCADO


Foi seu jeito simples ao me tratar na rua e bem safado quando estávamos em quatro paredes que me fez sentir vontade de revê-lo e de ele vir novamente sair comigo. Depois de nossa primeira saída ele manda mensagem dizendo ter gostado muito, nisso o convido para vir novamente fazer aquele “amor” gostoso que fizemos da outra vez. Só tinha um problema no meio disso, eu havia marcado com duas pessoas no mesmo dia e praticamente na mesma hora, só que nem me lembrava de que tinha feito isso.

Ainda não perdi esse costume, fico empolgado quando o primeiro do dia me liga, e depois que vou recebendo mais ligações me esqueço das anteriores e vou remarcando novamente, ontem por exemplo, estava marcado de sair com outras duas pessoas que já saí, uma dela mora em Volta Redonda e a outra aqui perto. O daqui nem me lembrei dele, o de Volta Redonda estava confirmado de nos encontrarmos, mas algo me disse para ligar para este terceiro que estava a fim de sair comigo, no que ligo minha intenção era de dispensar e ir ao encontro do outro, mas não deu, quando ligo pra ele perguntando onde estava, me avisa que estava chegando em Resende a caminho de minha casa.

Nesse meio tempo os outros dois me ligam querendo saber onde eu estava. Não fui nada profissional fazendo isso, mas me esqueci mesmo!

Chegando em casa ele não escondeu seu tesão em me reencontrar, me abraça me apertando forte, parecia saudade misturado com tesão, gostei muito disso. Do mesmo jeito que estava bom ele ficar ao meu lado (como ele mesmo disse) eu estava curtindo estar ali com ele.

Depois de transarmos comigo o comendo e sentindo meu pinto deslizar pelo seu buraquinho, a sensação foi boa, gostosa em meter sem que ele sentisse dor, apenas dei uma lubrificada com saliva e coloquei meu pinto em seu cu, entrou que foi uma maravilha! Depois de gozar, me preparei para o segundo tempo. Ele a princípio fica quieto na dele, com isso o sono vem e eu acabo cochilando, e aí começa os problemas. Ele passou a noite toda me alisando e isso acabou me machucando e incomodando muito.

Um carinho sempre é bom, mas nem sempre estou a fim de recebê-lo principalmente quando estou com sono e a pessoa resolve demonstrar todo seu “afeto” naquele exato momento. Depois de um tempo ele começa a apertar minhas costas e me dar mordidas enquanto dormia, cheguei a acordar assustado, pois tinha sonhado que estava sendo assaltado, no impulso acabei dando um empurrão nele, que nem percebeu que estava me incomodando fazendo isso. Beijava-me e não parava de morder e apertar minhas costas que já estavam doendo de tanto que ele alisou.

Sério, fiquei muito irritado que nem consegui beijá-lo. Quando vinha em minha direção cobria a cabeça ou deixava bem claro que não estava a fim, a cada alisada que me dava cheguei a sentir nojo, meu sono tinha ido embora dando lugar a dor que sentia por tanto tempo me alisando! E quando digo dor, era DOR MESMO!

Logo pela manhã quando chega a hora de ele ir embora, me despeço com toda educação, afinal ele gostou de sair comigo e voltou. Como ele mesmo disse, eu fui o único que ele sai pela segunda vez, ou outros foram somente uma e só pra “curtir”. Também gostei muito dele, só que não consigo nem me lembrar da hora em que me machucava, pois fico irritado!

O levo até o portão, volto pra casa e tomo um banho, quando olho minhas costas... Além da dor insuportável ele a deixou TODA ROXA! Está uma coisa feia de se ver. Claro, fiquei mais puto ainda! Parece que passei o dia todo no sol sem protetor e acabei me queimando. A dor que sinto é essa!
Leia Mais ►

domingo, 25 de novembro de 2012

BLOG : DYÁRIO NO ARMÁRYO


Já fui chamado de muitas coisas na vida: Imitador da Surfistinha, puto barato, viado escroto, enfim. Coisas que nem de longe chega a me preocupar ou me deixar pressionado se alguém sabe quem sou ou onde trabalho. Mas pra compensar esse bando de gente besta que só sabe falar merda da vida dos outros, tem aqueles que me deixam bem feliz ao comentar algo de bom, me elogiando ou com postagens a meu respeito.

Eis aqui mais um blog com assuntos que desperta o interesse de qualquer pessoa, um garoto contando suas aventuras sexuais, não as aventuras de um garoto de programa, mas sim de alguém que curte cada momento que passa com alguma pessoa e deixa registrado em seu blog como recordação. Não é meu cliente, não tivemos nenhum tipo de contato físico, mas isso não impediu de que gostasse e o respeitasse e por que não sentir tesão pelas coisas que ele faz e divide com a gente em seu blog, Dyário no Armáryo.
Tenho certeza que irão curtir, assim como eu o texto que ele fez pra mim,  >>> Hiago Waldeck <<<
Leia Mais ►

PURO VENENO - RAIVA, ÓDIO E MÁGOA


Encontrei com uma pessoa de minha família que ficou espantada ao saber que sou independente e que estou muito bem! Com certeza ela deve saber das coisas que faço, mas acho que não aceitou muito quando comentei pra ela sobre algumas mudanças em minha vida. A cara dela não deixou mentir e consegui ler seus pensamentos e com sua expressão foi bem claro o que estava pensando: mas como você conseguiu chegar até aqui? Como você conseguiu “subir” na vida? Foi exatamente isso que ela pensou, tenho certeza!

Pra algumas pessoas de minha família, foi difícil conseguir algo pra eles, tipo casa própria, carro ou alguém que os banque! Caso tenham conseguido, foi com a idade já avançada.

Acho que alguns estavam achando que eu seria aquele garoto de sempre, aquele muleque lambão que andava descalço e com roupas rasgadas. Achava que não passaria disso. Tô preparando uma “surpresa” pra alguns de minha família, não tenho que provar nada a ninguém, mas faço questão de que saiba de tudo o que fiz, de tudo que consegui e das coisas que estão por vir!

Diferentes de algumas “quengas” da família, eu sou o que conseguiu ir mais longe! Os outros se perderam no meio do caminho, tentando dar golpes como o da barriga e alguns que tinha tudo pra ser “alguém” na vida, caiu aos pés das drogas!

Eu ainda irei vomitar tudo de ruim que me fizeram engolir. Das humilhações até as acusações.

Me aguardem!
Leia Mais ►

sábado, 24 de novembro de 2012

CHUPANDO MEU CU: ROLOU CHUPADAS EM MEU PINTO, MAS NÃO FORAM TÃO BOAS QUANTO AS QUE RECEBI NO CU...


Na volta depois de ter saído e feito um boquete rapidinho em um casado no carro, resolvi dar mais umas voltas pela cidade, tarde da noite e muito gostosa por estar quente me encontro com mais um que estava sozinho e querendo algo. Ele me vê passando e encosta o carro, passo por perto e ele me chama. Coroa bonito e muito charmoso, deve ter seus 50 e poucos anos, mas muito bonito. Recomeça aquele papinho de “pegação”: tá fazendo o que?

Entro em seu carro e ele me convida para ir até sua casa, achou que eu fosse bem mais novo, não acreditou que tivesse na faixa dos vinte. No meio do caminho tivemos uma surpresa, mas como não tinha nada de errado comigo (pelo menos comigo não) passamos tranquilo, a policia estava fazendo blitz perto da Praça do trenzinho, na verdade estão rodando a cidade, pois a cada dia que passa fica num ponto diferente, por volta das 03h00min da manhã estavam lá, o policial dá sinal pra pararmos o carro, só que ele não viu e continuou andando, eu o aviso dizendo que cheguei a ver os PM dando sinal, sem contar que quando olho para trás, os vejo entrando no carro rapidamente para vir atrás de nós, mas nem foi preciso, pois ele volta e para perto dos PM.

Ele me pergunta se tinha algum “flagrante” comigo: (drogas ou algo do tipo). Não! Óbvio que não!

Passamos pela barreira sem pagar nenhum tipo de “propina” isso devido aos documentos estarem em dia, caso contrário, teríamos de dar uma “Caixinha de natal” aos policiais.

O coroa é muito educado, tem uma experiência de vida boa e me entende, sabe o que passa em minha mente, pois como ele mesmo disse, um dia teve a minha idade e passou por muita coisa até chegar onde está hoje. Vivendo no Brasil e exterior.

Não tem como negar que ao chegar em algum lugar você repare em tudo a sua volta, e foi o que fiz ao ver sua casa, maravilhosa!  

PS: Era a casa dos meus sonhos!

Acho que pra animar ele resolve fumar maconha, me pergunta se eu uso. Digo que não, SOU CARETA! Fiquei muito incomodado com ele fumando perto de mim, com isso ele apaga seu “bagulho”.

Nos deitamos na cama e ficamos numa boa, sempre me tratando com muito carinho, achei que nem fosse rolar nada (da minha parte), mas ao ver aquele coroa educado, bonito e todo charmoso não deu outra e fiquei excitado rapidinho.

Fazia tempo que não recebia uma chupada gostosa, e quando digo chupada não é em meu pinto e sim em meu cu. Depois de alisá-lo com os dedos, ele me pergunta se poderia me chupar, me vira de bruços e começa a lamber e chupar maravilhosamente meu cuzinho. Nessa hora viajei com sua boca engatada na minha bunda!

PS: Perguntou onde eu malho. Eu dei risada. Tô gordo mesmo! Kkk.

Rolou chupadas em meu pinto, mas que não foram tão boas quanto as que recebi no cu. O abraçava, o beijava curtindo sua barba, o chupava e até bati com meu pinto na portinha de seu cu, o mesmo que fez comigo depois de lambuzar meu buraquinho e me beijar me fazendo sentir o gosto. Ele gostou de brincar, colocar o dedo na minha bunda o deixava excitado e me animava muito, pra dar mais um “Tchan” na situação ele coloca um filme pornô hétero para assistirmos.

Foi numa punhetinha rápida que eu acabei gozando, ele tinha ficado com a cara perto de meu pinto para ver a porra voando, e acabou vendo bem de perto, pois acabei gozando em seu olho.

Na hora de ir embora ele pega meu número de telefone para marcarmos de nos vermos novamente, me dá o dinheiro e pede que eu o ligue quando tiver vontade.

Queria que eu dormisse com ele, achei melhor não! Mesmo estando gostoso ao seu lado, estava querendo dormir tranquilo, ou seja, sozinho.
Leia Mais ►

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

SEXO: TIREI SUA CUECA E FIQUEI BRINCANDO COM MEU PINTO NA PORTINHA DO SEU C...


Ele estava chegando de viagem e como estaria passando por aqui na cidade marca uma saída comigo, ele estaria chegando por volta das 02h00min desta madrugada sendo assim eu teria tempo de ajeitar a casa e me preparar com calma.

Quando o pego na rodoviária e o vejo de longe, me senti aliviado por perceber que era discreto e não anda dando “pinta” por aí, por telefone ele já me pareceu ser homem de verdade, mas às vezes a surpresa na hora em que encontramos a pessoa chega a ser desagradável quando vem aquela pessoa rebolando com uma voz grossa. Não era o caso dele, ainda bem.

Com um jeito meio quieto achei que fosse ter problemas com ele, pensei que fosse ficar na paranoia de estar saindo comigo como a maioria tem quando se encontra com algum GP, talvez por ser a primeira vez nesta situação ou tímido mesmo. Já estava preparando saliva para conversar com ele para que se sentisse mais a vontade, mas nem precisou.

Chegamos em casa e ele logo vai tirando a roupa, primeiro a camisa e depois o restante ficando somente de cueca, vi que ele estava com pressa para tirar a roupa, achei que iria transar e ir embora. Tiro minha calça e ele vem me agarrando, fiquei surpreso com essa atitude, pois a princípio parecia ser meio “paradão”, mas ele vem com muita sede ao pote. Ele me apertava gostoso, tinha um jeito maravilhoso de pegar e acabei entrando na onda curtindo seu jeito gostoso de me pegar, não perdi tempo e comecei a apalpar seu pinto que já estava duro, quando o vejo excitado, logo fico em ponto de bala a fim de trepar logo.

Não sei exatamente qual era a sua preferência, só sei que na minha primeira oportunidade acabei tirando sua cueca e brincando com meu pinto na portinha do seu cu. Ele é magro, mas tem um rosto redondinho muito bonito, sem contar que tem um cu delicioso de tão apertado, foi de frango assado que comecei a fuder seu buraquinho, estava meio ruim a posição, pois a cama ficava fazendo barulho e isso tira minha concentração, joguei um cobertor no chão e comecei a comê-lo. Sou meio enjoado, pois até no chão comecei a ficar incomodado, desta vez meu joelho estava ralando no chão, o jeito foi cavalgar em cima dele.

Melhor mesmo quando ele estava sentado em cima de mim, com ele mesmo fudendo meu pinto subindo e descendo no meu cacete!

Eu cheguei a achar que ele não estava sentindo nada, que seus gemidos eram “cena”. Mas me enganei mais uma vez, seu tesão foi tanto que as marcas pelo meu corpo pode provar que ele realmente estava sentindo tesão, mordidas no ombro e pescoço, nada muito chamativo, mas que prova que o negócio estava bom.

Depois de gozarmos e tomarmos um banho nos deitamos, ele tinha de acordar cedo para trabalhar e como deveria estar cansado pelas 5 horas de viagem que fez, sugeri que descansasse.
Coisa que nem era para ter acontecido, ele achou que depois de transarmos eu iria mandá-lo embora na madrugada sendo que nem ônibus pra sua casa tinha, ele olha e diz: Bom, tá na hora de eu ir, né? Disse a ele que seria melhor ficar e dormir comigo do que sair e ficar mofando esperando ônibus que iria demorar.
Acabamos ficando conversando, nessa hora já eram mais de 03h00min da manhã e ele teria de acordar cedo, bem cedo. Namorando, me disse estar pensando em se separar por também não se sentir feliz ao lado de seu namorado, o melhor de tudo foi saber que ficou bem quando estava deitado comigo, me dizendo que estava bom de ficarmos agarrados. Foi realmente uma coisa gostosa, depois da transa o abraço conversando até cair no sono.


Devíamos ter dormido uma hora pelo menos, o telefone dele desperta, ele mais uma vez me diz ter gostado de sair comigo e pretende repetir a dose, mas antes de ele ir embora tiramos mais “umazinha” comigo mais uma vez comendo ele numa rapidinha.

Alguém aí já viu algum garoto de programa que depois do sexo leva o cliente até a rodoviária? Bom, eu faço isso! Faço questão de levá-lo até o ponto, assim acaba sendo mais uma forma de aproximação.

Isso já era 06h00min da manhã. Cheio de sono, mas com disposição de preparar este post. Isso claro, depois de arrumar a bagunça que ficou pra trás.
Leia Mais ►

terça-feira, 20 de novembro de 2012

MAMÃE PASSOU AÇÚCAR EM MIM



Ultimamente tenho conhecido pessoas que agem da mesma forma que eu, ou seja: pessoas carentes. Nada contra, pois eu sou e até demais, só que não dá pra evitar aquela pontinha de orgulho quando comentam algo te colocando num pedestal, te fazendo ficar tão alto, tão cheio de si que se sente um anjo ou algo assim de tão maravilhado.
As 3 últimas pessoas que conheci (pra não dizer a quantia exata e ficar uma coisa vulgar) parecem ter combinado em me dizer uma frase que sempre ouvi na minha vida (por favor, só estou comentando e não me auto elogiando) que adoraram me conhecer e como prova da situação, me procuram diariamente ao ponto de querer tirar satisfação se não atendo celular ou vou até sua residência.
Já disse e repito, sou simples e sem nada demais daquilo que imaginam e esperam de um garoto de programa.
Mas com tantos elogios de pessoas que me viram e as que nem sabe como sou me faz sentir um bem-estar por dentro que fica difícil concordar que sou feio. Todo mundo tem lá suas qualidades e defeitos, até os mais belos que você vê passando na rua acorda com mau-hálito e remela nos olhos.
O melhor é receber mensagem de pessoas de longe dizendo seus sentimentos, na mesma hora a vontade de largar tudo e ir correndo aumenta, sem medo de quebrar a cara só pensando em ser feliz.
Acho que desperdiço muita oportunidade em todas as áreas da minha vida, as que mais são afetadas é a parte amorosa e financeira. Mas às vezes aquilo que você deseja está do seu lado e você na seca e ganância de querer logo acaba não enxergando. Comigo é assim.
Terminando esta minha análise. Não sou perfeito, mas acho que daria tranquilamente pra ser um cara tipo Zeca Mansidão: olhar de besta, conversa no pé do ouvido e quando vê já tô entrando (como diz o trecho da música). Sou apenas eu, sem forçar nada, sem mentir, sem inventar situações pra chamar a atenção, sou do jeito que sempre fui, quieto.  Uma das coisas que não perco a mania hoje em dia é quando sinto aquela sensação de nervosismo quando encontro alguém ou quando recebo um elogio, cabeça baixa, começo a coçar as mãos e dou aquele sorriso largo sem saber onde enfiar a cara! Este sou eu.
Apesar de tudo, sou tímido. . .

Leia Mais ►

ADORO SER O QUE SOU, ORGULHO DA MINHA COR: EU SOU PRETO COM ORGULHO!

 

20 de Novembro: Consciência Negra



A Consciência Negra no Brasil é celebrada no dia 20 de novembro. Simboliza a implementação do negro na sociedade como um ser humano normal, e não um escravo ou animal, como era considerado no período colonial. Acontece nesse dia devido à morte do líder Zumbi dos Palmares, que tanto lutou pela igualdade do negro perante às outras pessoas.
O dia serve para relembrar a resistência do negro à escravidão que existiu por muitos anos, desde por exemplo o transporte forçado dos negros africanos para o Brasil. Mesmo o caráter de Zumbi não sendo confirmado até hoje, pois indícios mostram que ele matinha escravos particulares em seu poder, o dia também é em sua homenagem.
Até hoje o negro sofre preconceito na sociedade e isso não ocorre só no Brasil, mas em todo mundo. Aqui eles foram escravos por décadas, até que a lei Áurea “libertou” todos de uma forma simbólica. Mas o que importa é que hoje isso não existe mais e o negro é um ser humano igual a todos e tem os mesmos direitos e deveres.
O dia já é celebrado desde a década de 60, mas foi nos últimos anos que ganhou mais destaque e importância. Até então o único dia “comemorado” pelo movimento e população negra era o 13 de maio, dia da abolição da escravatura. Pense e reflita nesse dia 20 de novembro. Lembre o quanto os negros sofreram e perceba que são pessoas normais, iguais à você. E se você é negro, comemore esse dia que lembra liberdade, igualdade e fraternidade

Não tem como negar que hoje em dia existe muito preconceito com pessoas negras, infelizmente existe pessoas orgulhosas em achar que por ser negro deveria ser tratados como indigentes e até mesmo ocupar um lugar no mercado de trabalho que pra muitos acaba sendo inferior como faxineiro ou até mesmo lixeiro.

Eu já trabalhei na limpeza, e hoje em dia digo que nunca voltaria a fazer isso, não pelo serviço, mas pelas humilhações que já passei com isso. Pessoas que de propósito faziam sujeira sabendo que o bobo aqui iria limpar, teve gente que fazia cocô em copo e deixava pra eu ver! Eu chorava pra caralho com isso. Sem contar quando tinha de ouvir a “chefia” me dizendo: você é pago pra que? Era pra ter feito isso ontem e não hoje, sai daqui vai! Não dá pra andar com o menino da limpeza, né? Tem que ter um carro pra ele vir trabalhar.

Tempos depois a tal “chefia” fica na merda e me procura querendo trabalhar, e diz que aceita ser na faxina, pois está precisando.

Adiantou ter preconceito, sendo que ela mesma não era rica e morava num lugar fudido aqui em Resende? Um taxista amigo meu chegou a ficar puto quando ela reclamava ter que dividir carro comigo, ela não achava certo e meu amigo me defendeu.

Às vezes quando me deparo com alguém “da cor” agindo com o nariz em pé como se fosse o Presidente, me incomoda, tá certo que nós os negros já passamos por muita coisa ruim na época, mas isso deveria ser motivo de ser humilde e não sair falando alto como se estivesse ou fosse uma autoridade.  Tem até aqueles negros que tratam os outros negros como escravos e nessa hora vem aquele comentário: Não sei por que age assim, e olha que é preto! Ou seja, deveria ser humilde, mas não é.

Já passei por muita coisa por ser moreno (negro), principalmente na época em que cheguei aqui na cidade que entrava nessas lojas e ficava admirado com os aparelhos imaginando o dia em que compraria o meu, não dava pra negar que os seguranças do local ficavam apreensivos achando que eu pegaria algo e sairia correndo, isso tudo por eu estar sempre usando roupas não boas. Infelizmente o povinho aqui de Resende se preocupa muito com aparência, então você sendo negro e estando de chinelo de dedo, seria motivo pra achar que é bandido.

Você sentindo na pele que tem alguém te vigiando é ruim, faz mal pra própria pessoa. Mas não sei como se deve agir nesses casos. Tá certo que não está escrito “Sou bandido” na testa de cada um, a pessoa pode também ter passado por alguma situação de risco e por isso fica na defensiva achando que qualquer um poderia ser o ladrão. Se bem que já teve situações aqui em uma faculdade da cidade em que um cara todo engravatado entra com uma maleta na mão e sai normalmente, por estar engravatado e ter boa aparência, ninguém desconfiou dele que acabou saindo da faculdade roubando computadores e ninguém viu.

No meu serviço às vezes aparece uns caras meio sinistros, e não sei o porquê, mas tem o mesmo jeito daqueles que foram roubar. Sempre que aparece e às vezes com o mesmo estilo, dá aquele medo de que me aponte novamente uma arma. Seria isso preconceito meu?

Cada um tem o seu gosto, uns gostam de negros e já outros não, mas não curtem não pela cor, é questão de química mesmo. Não vejo nada demais nisso.

Antigamente eu dizia querer ser branco, mas dizia isso, pois sinto um tesão a mais por gente branquinha, e isso soava como eu mesmo sendo preconceituoso com minha cor. O que não era verdade. Mas não posso negar que comigo sendo esse moreno marrom bombom eu chamo a atenção, tudo graças à cor e pelo que o povo mesmo diz, falando que adora gente morena. É nessa hora que ganho meu dia e o dinheiro no fim do expediente.

Seria bom se as pessoas parassem de agir com preconceito a nós pessoas da cor ou pra rasgar o verbo mesmo, preto. Somos gente que trabalha, temos família, contas a pagar (talvez até menos que os brancos e ricos) e sem contar que hoje dominamos até na Presidência. Isso já é o bastante pra não sermos vistos como “seres inferiores”, somos até bem mais que muitos aí, também somos gente que amamos e merecemos respeito da mesma forma que muitos aí querem ter respeito por ser: Macumbeiro, Satanista, Espirita, Umbandista, Católico, Evangélico ou Budista.

Meu respeito pela sua religião vai de acordo com o seu respeito com minha cor e sexualidade.





                       


Ser negro tem suas vantagens, não somente por nascer com um dote avantajado mas ser objeto de desejo de muitas pessoas, ser uma das taras mais cobiçadas por homens e mulheres. Os que tem preconceito e não gostam da cor, só lamento por eles que são um bando de filhas das putas que não sabem admirar o que o Brasil e o mundo tem de melhor, nós as pessoas da cor!



Leia Mais ►

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

NÃO FOI DESSA VEZ: PODE MANDAR O PRÓXIMO






Cada gente estranha que aparece ao longo dessa vida, que #PutaQuePariu, depois de termos saído pela primeira e segunda vez, ele acha que pode me parar na rua pra saber se irei novamente a sua casa e ainda por cima me dar beijinho como se já tivéssemos alguma coisa. Tá certo, ainda há vagas em meu coração, mas quem tem de escolher a pessoa que eu quero pra minha vida ,sou eu!

Bom, na verdade vai depender muito da outra parte também, mas no caso dele não estou muito a fim de ter algo, é uma pessoa bacana, trabalha, simples (pegajoso), mas muito legal, só que não rolou a química pra namoro, pelo menos não da minha parte. Agora se depender dele, acho que amanhã mesmo me mudaria pra sua casa.

Às vezes saindo a cada dia com alguém diferente fica aquela dúvida na minha cabeça: será que é isso mesmo que eu quero, me relacionar?

Do mesmo jeito que conheci gente mala, também conheci pessoas apaixonantes e que me faz voltar atrás com o pensamento de #UmNamoradoParaHiago.

Não me importo se parece ridículo a situação de um garoto de programa procurar um alguém, mesmo sabendo de meu passado e de tudo que faço, não faltaram pretendentes a fim de ter algo comigo. Até agora, não veio àquele que me faz ficar pensando nele 24 horas por dia ou até mesmo tocar várias punhetas imaginando alguma coisa gostosa na cama. Pode até ter aparecido, mas se não “rolou” é por que com certeza deve ter mudado seu comportamento do que tinha me passado, as vezes aquela pessoa doce, se torna possessiva!

OBS: O amor é igual ônibus: o meu nunca vem, só os dos outros.

Bom dia.
Leia Mais ►

sábado, 17 de novembro de 2012

FOTOS AMADORAS EM ANÚNCIO DE GAROTOS DE PROGRAMA




Nossa, que horror! Nessa época já precisava tomar um solzinho!
A cueca já joguei fora!
Não sei como conseguia ter uma clientela boa depois de postar estas fotos mais que amadoras num anúncio em um site de garotos de programa. Lembro-me que a dona do site (Bofes, já mencionei aqui) foi muito atenciosa comigo, uma educação absurda de tão simpática.

Eu mesmo cheguei a tirar estas e outras fotos que foram publicadas no site, e detalhe: não tinha de rosto! E isso chamava a atenção da galera.


No site tinha vários homens: musculosos, atraentes e que mostrava fotos de rosto. No meio deles, eu era o único diferente, o único que não mostrava o rosto e usava fotos amadoras e com imagem ruim para mostrar o “produto”. Quem acha que isso me atrapalhou se engana. Meu telefone não parava de tocar, o povo ficou curioso em saber quem era o garoto de programa que só mostrava da cintura pra baixo.

Sou moreno, sou negão, sou marrom bombom
Um deles mesmo me disse: vi vários garotos lá, mas não sei por que, você me chamou a atenção mesmo não mostrando o rosto.
E eles mesmo morando longe, me procuravam por terem curtido.

Eu era alguém “diferente dos outros”, mas com algo especial.

Nessa época em que me anunciava no site, recebi muitas propostas incluindo de ir para fora do Brasil, o que gerou confusão com um cliente que eu ficava na época. Enciumado, ele se incomodou em saber que fui chamado para uma “entrevista” podendo ganhar até 500 reais (em Euro) por 30 min e sem gozar!

Sem contar de outros clientes que conheci e que queria me levar para Itália, onde a prostituição domina. Interesse eu tive, mas mal sei andar na minha cidade aqui no Brasil, imaginem eu lá fora, como seria? Algumas pessoas disseram que era "furada", que não vale a pena correr esse risco. Ainda mais depois que soube que um deles tinha ido pra lá e foi expulso do país. Não sei por que.
Só sei que estas e outras fotos que cheguei a tirar eram muito ruins, mas muito mesmo. Hahaha.
 Fique por dentro sobre meu livro. Link: “O Diário Quase Secreto De Um Garoto de Programa” e saiba como fiz para me tornar garoto de programa e alcançar os melhores clientes.

E agora na versão digital pela Amazon. Link: "Livro do Hiago, versão eBook"




Leia Mais ►

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

EU TÔ LÁ, NO: BLOG DA PORRA


Gostaria de agradecer ao BLOG DA PORRA, pela postagem que me fez. Exatamente um blog que eu curto e admiro pacas, o melhor agora, é que faço parte dele!

Aproveitem e dê uma olhada, lá. A satisfação é garantida.

Também meu amigo no Twitter : @BlogdaPorra
 
 
Leia Mais ►