segunda-feira, 8 de abril de 2013

ENCONTRO PELO TWITTER


Eu trabalho em um local público onde a cada dia que passa me encontro com pessoas que cheguei a conhecer na vida de garoto de programa, os trato bem, afinal eles são clientes de onde trabalho e meus também e por isso os respeitos. Tem uns que eu faço questão de me esconder para que não me veja, principalmente se for alguém que eu cheguei a falar mal no blog e que tenha me ligado reclamando da postagem, sei que não fariam nada comigo, mas às vezes a frustração é tão grande que prefiro nem olhar pra cara deles. Esses dias recebi uma mensagem no Twitter de um amigo que me segue por lá, ele tinha comentando dizendo que havia passado em meu serviço e que tinha me visto, na hora fiquei preocupado, pois não gosto de misturar o lado pessoal com profissional e comecei (tentei) disfarçar até mesmo dando a entender que não sou eu. Perguntei os motivos que ele achou que eu trabalhava em tal lugar e ele me disse: “fui aonde você trabalha e acho que foi você quem me atendeu, você não é moreno (daí ele começa a me descrever!)?" Não tinha como negar que era eu e que realmente eu quem o atendi no dia, acabei ficando com medo dele por saber quem sou.

Fiquei imaginando: “como alguém descobre quem sou sendo que nem fotos de rosto eu tenho?” diz ele que havia me reconhecido pelo porte físico (???).

Depois disso comecei a falar com ele frequentemente no Twitter, até mesmo para saber de quem se tratava, começamos a conversar até que marcamos de nos ver. Ele é daqui de Resende e muito educado, me pareceu ser gente simples e por isso tive a vontade de conhecê-lo. Ontem foi o dia, eu estava descansando e a fim de sair, o convidei para irmos juntos para outro lugar, mas ele acabou que dormiu até mais tarde (devido à gente ter ficado a madrugada conversando) então aproveitei o dia sozinho. À noite voltamos a conversar pelo Twitter e marcamos de sair, o problema foi à chuva que nos pega de surpresa e impede de irmos ao cinema, nisso o trago aqui pra casa. Vou buscá-lo perto de casa, não tinha a menor ideia de quem seja. E lá vem ele, garoto novo com 20 anos, branco e muito simpático!

Chegamos em casa e conversamos muito, trocamos uma ideia boa e eu mais ainda a fim de tentar entender como ele foi me descobrir.

Passamos a noite juntos aqui em casa onde aproveitamos muito. Claro que em certo tempo acabou rolando alguma coisa entre a gente. Começamos pelo quarto onde nos beijávamos e ele punhetava meu pinto, sua mão era gostosa, tinha um jeito gostoso de segurar meu pau me fazendo querer que ele fique me punhetando. Chupadas, beijos, estava muito bom sentir alguém que eu achava quem nem existia (no começo achei que fosse trote). A melhor parte foi quando tomamos banho juntos, ainda não tínhamos gozado então aproveitamos debaixo do chuveiro e ainda por cima, ganhei de presente algo que há tempos não recebia de ninguém (nem cliente), um banho de mijo! Agacho-me e ele me enche de mijo, não estava com cheiro forte como o da maioria. Foi o momento que esperava que aparecesse alguém pra fazer isso comigo, o que eu curto muito! (FICA A DICA).

Depois de horas no banheiro voltamos à cama, me deito ao seu lado e ele inicia uma punheta que me faz gozar. Ele queria que eu pegasse uma camisinha e fosse ativo com ele, mas eu estava a fim de aproveitar e queria uma segunda rodada depois que a gente gozasse, mas acabou que não rolou.  Eu estava cansando, pois na noite anterior eu havia ido dormir às 5h da manhã e acordei às 8h para aproveitar o dia, acordei disposto, mas no decorrer do dia fui me cansando e no que chega à madrugada de hoje em que estávamos juntos o sono bateu, tentei descansar para ficar bem hoje (que tenho trabalho), mas não deu, ele vendo que eu estava dormindo e ele sem sono resolve ir embora, bem que eu tentei fazer com que ficasse comigo, ele deitado ao meu peito estava algo gostoso e queria realmente ter mais uma rodada de sexo com ele, mas só depois que eu estivesse descansado. Ele resolve ir embora para que eu possa dormir, mas acho que foi algo que ele não gostou muito.

4 comentários:

  1. Amigo, eu adoro mulekes de com a pele branca e com boca vermelhinha, nossa que encontro gostoso ein você teve, parece até um drama com pitada de suspense. Mai ai final do texto, onde voê diz: ´´FOI ALGO QUE ELE NÃO GOSTOU MUITO´´
    explique? ele não gostou de ir embora ou de ter ficado contigo (arrependido)?

    Não sabia que curtia chuva dourada, diferente, rss
    que vocÊ tenha uma boa noite, beijos
    BERNARDO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade eu senti que ele não gostou do fato de eu ter ficado dormindo, afinal eu acabei gozando e ele, não.

      Cara, me amarro em chuva dourada, quando quiser fazer comigo é só avisar! Vou adorar.

      Excluir
  2. eu paulo gostaria de ser um gp como voce mas eu topo sair com qualquer sexo para eu ser como você digamos você sai com homens tambem eu te admiro muito cara porque você e uma pessoa maneira e muito sofrida você e um mano bem forte me responda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela admiração. E outra coisa, seja você mesmo! :-)

      Excluir

Fala que eu te escuto