quarta-feira, 24 de abril de 2013

MOTORISTA DOTADO...


Por telefone quando ele estava dizendo o tamanho de seu dote, eu o achei um pouco convencido e nem encheu meus olhos de vontade de vê-lo, sei lá, imaginei alguém com a autoestima lá no alto e que acabou exagerando quando me dizia que tinha um pênis bem avantajado. Como já me aconteceu várias vezes de pessoas dizer ter “tanto” quando na verdade não tinha nem a metade de 10 cm. Ele trabalha numa viação de ônibus circular aqui na cidade, motorista e que entra em contato comigo, ele não é bonito e a única coisa que chama a atenção quando o vê é seu ar de safado, como se fizesse muita coisa gostosa na cama, fora isso a beleza não é seu forte, mas também nem precisava, com esse jeitinho malandro que ele tem já me deixa com o maior tesão.

Está tarde e eu com frio, me arrependi de ter saído de casa com este tempo para vê-lo, ainda mais quando me lembrava dele dizendo ser dotado, o que pra mim não parecia ser, até eu ver realmente. Ficamos no carro conversando e ele me dizendo sua vida, coisas que gosta e problemas que enfrenta com sua esposa. Casado e com filho pequeno, ele pula a cerca por falta de atenção da mulher (coisa típica das mulheres aqui de Resende), conversando no carro ele me agarra e me beija, pegada gostosa sabendo exatamente onde colocar as mãos. Ele alisa meu pinto e o tira pra fora, se agacha e começa a me chupar, raspando sua barbicha na minha barriga e engolindo meu pau. Depois foi a minha vez de comprovar se seu pinto era realmente grande, comecei alisando seu pau por cima da bermuda e na hora não vi/senti nada de diferente, tiro seu pinto pra fora e aí que vi a surpresa. Ele realmente era dotado, seu pinto além de grosso era muito grande que chegava a encher minha mão.

Começo a chupar seu pinto que mal cabia em minha boca, ele fazia força para que eu o enfiasse todo na garganta, mas é algo impossível de se fazer.

Fiquei chateado no momento em que iriamos fazer um troca-troca, primeiro ele me comeria e depois seria a minha vez, tudo isso dentro do carro, só que não aconteceu. Ele coloca a camisinha para me comer e na excitação acaba gozando enquanto coloca o preservativo, fiquei chateado, pois um comeria o outro, mas sem gozar, apenas para ficar mais excitado e no fim acabarmos gozando na mão, ou melhor, um na cara do outro, mas nem chegou a dar tempo de fazê-lo.

E eu, fiquei na mão...
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O HIAGO DISSE: Tô respondendo a todos os comentários que recebo, através deles mesmos. Abraços e comentem.....................................