29 setembro 2013

PREVISÃO DO TEMPO


A previsão hoje, era para ser um dia em que estaria falando mais sobre aventuras sexuais e quem sabe, um dia divertido. Mas algo me fez mudar. Acordei feliz, triste, não sei. Meus sentimentos ficaram confusos ao chegar no meu trabalho e sentir uma enorme vontade de dizer a todos o quanto me sinto feliz por tê-los por perto. Não sei se é carência que me bateu hoje, só sei que está bom do jeito que está. Meu jeito de agir acaba afastando as pessoas que me rodeiam, é algo que tento mudar, mas o medo de perder algo acaba me fazendo fazer besteiras.

É, acho que, o que estou sentindo hoje, é carência.

Boa tarde.

27 setembro 2013

PSICOSE DE UM GAROTO DE PROGRAMA


Eu, Hiago Waldeck, fiquei esperando a semana inteira (praticamente) ansioso para vê-lo, matar a saudade e o desejo de sexo que acabei tendo por ele. Só que às coisas não saíram do jeito que eu esperava. Estar com ele é bom, divertido, mesmo que "briguemos" e discutimos boa parte do tempo com coisas bobas, rola sentimento de carinho e um amor que me faz querer cuidar. Estava me sentindo muito excitado, sentindo falta de seu sexo, até que comentei meu desejo de estar com ele. Primeiramente, fiquei feliz que veio me ver e passar a noite comigo, mas não nego que pensei no sexo que poderia ter feito com ele. Não é prioridade, mas pra quem esperou tanto por isso, seria quase um prêmio. Não rolou o que eu esperava, logo após deitarmos e ficarmos abraçados, ele vira e dorme. Juro, fiquei o alisando na intensão de acordá-lo, mas não adiantou. Só não fiquei com mais raiva, porque ele antes de dormir me disse: "senti saudades". Passei a madrugada toda acordado, por alguns momentos irritado por não ter tido relação. Foi a mesma raiva que sentia quando namorava antigamente e o meu namorado me negava sexo. Na verdade não é raiva, e sim decepção por esperar algo tanto tempo e não ter. Se fosse em outra época, eu teria saído na madrugada, deixado ele aqui em casa dormindo e ficaria com outra pessoa. Sim, com certeza faria isso.
Lado Bom: Ah, matei a saudade e aquela "carência" por não ter alguém do meu lado.
Lado Ruim: Esperar ir embora para poder me masturbar e matar meu tesão? Ah, na boa, eu não preciso disso! Na mão, da próxima vez, eu não fico. Até minha punheta saiu ruim, não gozei do jeito que eu queria, do jeito que me deixasse relaxado e satisfeito. Ainda estou com tesão, e ele não está aqui. O que fazer? O jeito é atender o próximo da fila, porque gente a fim de verdade é o que não falta.


              



22 setembro 2013

FECHE OS OLHOS, PENSE EM COISAS BOAS E FAÇA UM PEDIDO...



Minutos antes de dar meia-noite, não parava de olhar o relógio. Parecia com pressa de completar meus 26 anos, parecia empolgado com a chegada do meu aniversário. Minutos antes, estava com aquele clima de entusiasmo de quando chega o fim do ano e você fica na expectativa contando os segundos esperando a virada. Aquela emoção que dá antes e depois do fim do ano, senti à pouco, esperando os minutos se acabarem e eu fazer o meu pedido de aniversário. Muito antes de meia-noite, eu já estava recebendo mensagens de parabéns. Sabe, infelizmente amizade, por mais que seja verdadeira, com o tempo muda. Bate a saudade, vontade de ver a pessoa novamente, mas de acordo que vão entrando novas pessoas em nossas vidas, acabamos esquecendo das outras, que fizeram parte da nossa história. Meus amigos do serviço, na hora em que saímos, me cantaram os parabéns, com direito no finalzinho da música trocar depois do "rá-tim-bum" por "pau no cu dele!". Depois da comemoração, minha amiga já muito louca, vem me dar um beijo, não no rosto, e sim, na boca e de língua. Ela estava era mais preocupada em me perguntar se beija bem do que me agradar. Tipo, acho que ela queria uma nota pro beijo dela, eu dou nota 10,00.


Depois de chegar em casa, no maior calor, tomar banho e responder algumas mensagens, resolvo sair, ir para a rua e refletir. Na boa, já era madrugada, e a única coisa que eu estava conseguindo pensar era em 26 anos atrás, na minha mãe provavelmente na maternidade de Barra Mansa sentindo as contrações e, Deus preparando o mundo para eu descer (peguei pesado). Nasci às 9 da manhã, na Santa Casa de Misericórdia de Barra Mansa, pesando 3k 280g e medindo 49 cm.

Curiosidade: Minha mãe sempre foi católica. Quando nasci, estava doente e ela fez uma promessa para que eu melhorasse. Enfim, depois dessa promessa, ela começou a comemorar meu aniversário no dia 27 de setembro e eu cresci com essa data na cabeça. Só depois de velho, fui descobrir que meu nascimento foi dia 22, e que a data 27 era devido sua promessa.

Ah, recebi tantas mensagens de pessoas me desejando felicidade, tanto carinho de um povo que não conheço nem a metade, mas que me deixou feliz. Na volta pra casa, encontro com um coroa muito gente boa, que acaba me levando para sua cobertura maravilhosa para comemorar meu aniversário. Ele já é de casa (ou seja, eu o conheço), muito educado e sabe respeitar. Em sua casa, ele me deu conselhos, trocamos experiências de vida e eu ouvi cada palavra que me disse, a fim de absorver tudo de bom que ele pretendia me trazer dizendo aquilo. Não bebemos, não comemos bolo, apenas conversamos. Foi exatamente o presente que eu queria, uma presença agradável nesta noite.
 




10 setembro 2013

ALTO, BONITO, SENSUAL E RICO...BEM, NÃO É O MEU CASO, MAS SOU GENTE BOA.


Não sei se isso é suficiente para deixar alguns de vocês "aliviado". Espero que pelo menos eu possa amenizar um pouco do nervosismo que muitos tem. Conheci tantos tipos diferentes de pessoas, e a que mais tem minha atenção, são aquelas que chegam até mim com vergonha, tímidos por algum defeito no corpo, cicatriz entre outros. Não tem como deixar de notar uma falha, principalmente quando eles resolvem esconder para que eu não veja. Alguns se sentem mal com isso e eu da melhor forma tento mostrar que não existe nada demais. Tive alguns clientes que eu consegui deixar bem à vontade, sem medo de mostrar o que pra eles seria algo ruim. Coisas como: calvície, queloides, traumas com pé e marcas.

Não quero ganhar créditos dizendo somente o meu lado bom e o mundo maravilhoso que o Hiago vive. Por isso tô falando a verdade que poucos assumem com medo de reações do público.

O vampiro. Não teve como não perceber o que sua genética lhe proporcionou. Não estou criticando, falando mal e nem fazendo fofoca. Estou apenas comentando. Enquanto muitos reclamam de suas bocas, dizendo ter perdido dente, ele não tem esse problema. Sua boca é cheia de dentes. Nunca havia visto isso, fiquei chocado, pois estou acostumado a ver pessoas com duas cabeças, mas não gente com dentes no céu da boca. É, ele tinha dentes que saíam do céu da boca.
Lado Bom: Um cara muito humilde. Nota 10.
Lado Ruim: Fiquei sem graça quando percebi os dentes, pois não soube disfarçar meu nervosismo ao ver.

O queloide é um rapaz moreno, corpo atlético e muito carismático. Logo de cara, quem o vê, se encanta com seu jeito gostoso e simples de ser. Seu único medo na hora do sexo é de tirar a camisa, ele por ter algumas marcas de queloides e por ser moreno, acaba destacando um pouco, deixando-as bem visíveis.
Se te consolar: Algumas pessoas andaram me perguntando se seria possível ser garoto de programa tendo algumas "deformidades" no corpo. Eu digo que, sim. Eu não sou um exemplo de beleza, quem espera um cara maravilhoso irá perder tempo, não sou nem metade e quilômetros longe disso. Não vejo problemas com queloides, sendo que é algo que eu e todos os "pretinhos" temos. Nada demais que precise se envergonhar. Então, da próxima vez, tire a camisa e corra pro abraço.

O carequinha chega falando pouco, escondendo ser quem realmente ele é. Um furacão na cama! Ele tomava muito cuidado para que seu boné não caísse. Logo de cara imaginei que fosse calvo ou simplesmente tem a mesma "doença" que eu tenho, a paixão por boné. Depois de muito beijo e esfrega, não teve jeito, acabei tirando seu boné na empolgação da nossa pegada, mostrando o real motivo de ele não tirar. Ele era calvo, e daí?
Se te consolar: Meu pai era careca, ou seja, a genética me abençoou com isso, e com o uso de boné acaba piorando a situação. Na verdade, minha história começa quando antigamente raspava a cabeça por não gostar de cabelo e gastar horas o arrumando, pois ele grande, é todo cacheado. Depois que aderir à raspagem e o uso de boné, ele foi caindo. Até achei bom, porque teria menos trabalho de todos os dias raspar. Hoje, sou careca, pois raspo religiosamente todos os dias. E sim, é a melhor coisa poder acordar sem se preocupar em pentear cabelo. Então, não precisa ter vergonha de ser careca, se não de tempo der disfarçar, vem sem medo, não tenho preconceito haha.

Pé de moça é um cara que toda vez que marcava comigo, nunca tirava suas meias. Eu até achava normal, pois eu em meus momentos de distração, sem querer tomava banho de boné. Juro. Depois de tanto sair com ele sempre de meia, resolvo perguntar. Ele sem graça, diz que seu pé é feio, e por causa de sua bota de segurança que usa no serviço, acabou deformando ainda mais, dando micose na unha.  Eu já tive chulé, micose e frieira. Normal, todo mundo tem. Por que acha que mulher anda com a unha do pé pintada? É pra esconder a micose. Eu sempre tive cuidados com meus pés, ia à manicure e tudo mais, só que durante um tempo acabei ficando sem tempo, comecei a usar botas de segurança (com biqueira de aço) e daí pronto, "ficou bichado".
Se te consolar: Também tive micose na unha e só fui descobrir quando eu estava ficando com um cara. Estávamos deitados e eu acabei enfiando meu pé na boca dele, fazendo chupar meu dedão. Ele chupou e ainda pediu bis, depois que ele viu que o dedo chupado estava com micose. Mas foi tudo normal. Ele também tinha (tô rindo enquanto escrevo isso).

O mancha é novinho, inexperiente, mas muito dedicado naquilo que faz. Ele chega com vergonha por ter uma marca de nascença. Percebi que estava com vergonha, pois ele fazia de tudo para escondê-la. Nisso, acabei fingindo que nem tinha visto e agi normalmente. Depois, quando ele se sente mais a fim de falar, ele me diz sobre sua marca que tem na mão. O sexo com ele foi tão bom, que sua mancha foi pouco perto da preocupação que eu estava sentido, querendo saber como faria para aguentar sua pica que estava me machucando muito.
Se te consolar: Ele estava com vergonha de uma mancha de nascença na mão? Nem tem motivo. Eu, quando era bebê, tinha caído de cima da mesa, quando minha irmã ainda criança achou que eu ficaria sentado. Foi uma correria, pois eu era ainda de colo e havia cortado a boca. Bom, não bato bem da cabeça e isso levo comigo até hoje. Deve ser por causa do tombo, né? Hahaha.



Hare Krishna

04 setembro 2013

EU SOU TÃO SEXY, QUE QUANDO NASCI O MÉDICO NÃO BATEU NA MINHA BUNDA, BATEU PUNHETA!




O que queres de mim?
Prazer,
Prazer,
Ou prazer?

Diga o queres que eu faça,
Podes até fingir que me amas,
Serei o que me pagares,
Para me usar umas horas.

E tudo que vier de mim,
Tu sabes, serás enganada,
Ah! Não eram seus planos?
Pois errou, ledo engano.

Aprenda a ser mais realista,
Nunca ridícula, seja artista,
Por isso para me ter, pague,
Sou do sexo, sem desejo.


No preço, não incluo beijos,
Nem usarei seus adereços.
E é proibido falar de amor,
Senão, terás meu total desprezo.

Vá, deite-se logo na cama,
Espalhe-se como uma rameira,
Eu não tenho a noite inteira,
Sou um garoto de programa.

É por isso é que eu sou caro,
Muito caro, não engano,
Esqueci do amor totalmente,

Fortuna. Meu único plano.



03 setembro 2013

SOM DA MEIA-NOITE


Nesta madrugada, minha intenção de ir para a rua foi pra tentar me libertar de situações que estão me deixando sufocado pela pressão que faz em minha cabeça. Teria sido melhor ter ficado em casa, pois não tinha nada de interessante que pudesse me deixar animado. É difícil desistir das coisas que te fizeram bem um dia, no meu caso, fazer programa. Difícil esquecer o passado, quando ele domina o seu presente
 
Não é novidade que Resende já teve noites bem melhores. Antigamente, podia se afirmar que, era um cliente em cada esquina. Hoje, mal consigo ver que são as pessoas dentro dos carros. A situação mudou. Só não sei se pra pior ou melhor. Fico observando pessoas na madrugada sozinhas tentando ganhar a vida. Situação triste, chata, sem graça... Que eu tive de passar por tudo isso.
O que não faço e tive de fazer para conseguir arrumar dinheiro. São tantas coisas pelo qual passei na vida, e tem muita gente que ainda acha que sou um mistério a ser desvendado. Minha última lembrança de uma madrugada que passei na rua, foi de um cara correndo todo ensanguentado pedindo ajuda passando perto de mim e, logo em seguida outro rapaz com um pedaço de pau na mão, correndo atrás dele, na tentativa de matá-lo. Se viesse em cima de mim, o que poderia fazer? Nada, não há lugar para onde correr, pois os demônios enxergam na escuridão. As noites de hoje estão sempre tristes, com quase ninguém nas ruas.
 

 
 

 O superdotado apareceu aqui em casa me fazendo dormir tranquilo depois de me fazer tomar leite quente. Sua pica é gigantesca, e na hora da gozada não sai nada com miséria, goza com fartura. Ficamos na brincadeira do boquete. Um chupando o outro até terminar gozando um na cara do outro. No meu caso, adoro receber sua porra na boca, sendo o único problema, aguentar o gosto azedo de seu esperma. Sua piroca é grande, mas não tive a chance de poder senti-la dentro de mim. Enquanto isso, me contento em recebê-la na boca, junto de sua gozada. O curioso é que ele gosta de deixar registrado os momentos, tipo, tirar fotos ou filmar a gozada em seu rosto. Problema seria se sua esposa descobrisse os vídeos.
Lado bom: Adoro sair com ele, mesmo que seja apenas para boquete.
Lado ruim: Ele gosta de receber gozadas na cara, mas o único problema, é quando vou gozar. Acabei gozando em pé, o que pra mim, não chega a ser confortável, pois acaba me atrapalhando um pouco. Mas não teve jeito, pois ele estava deitado.

O que aprendi sendo garoto de programa, sendo o  , foi que: O que vem fácil, vai fácil, acaba rápido e não traz felicidade.

BOA NOITE.

 


01 setembro 2013

DESCULPE SE FUI POUCO ESTÚPIDO COM VOCÊ. MINHA INTENÇÃO ERA SER MAIS


 
 
Hoje, mais uma vez, não estou bem. Estou com tantas preocupações que mal consigo dormir tranquilo sem pensar sequer numa solução para meus problemas. Tentei sair e relaxar um pouco, mas bastou ficar quieto no meu canto que meu telefone dispara a tocar! Antes fossem clientes. Eram pessoas querendo uma demonstração de sexo grátis comigo, me enchendo a porra do saco me chamando para sair. Sério, sempre que estou nesses dias de stress, me aparecem pessoas querendo perturbar a mente. Se fossem clientes, tudo bem, mas não. Quando estou mal, não adianta, não consigo e nem faço questão de ser simpático e acabo agindo na ignorância, principalmente quando eu resolvo me abrir com alguém e a pessoa sempre vem com piadas pra cima de mim, achando que vai "descontrair", quando na verdade acaba me tirando ainda mais do sério.

O idiota vive me ligando, faz questão de que eu apareça em sua casa e o coma. Não estou com vontade, por isso acabo nem indo. O problema (dele) é que, por saber que eu saio com um e outro sem compromisso financeiro, ele me trata bem, na intenção de que ele seja mais um da minha lista. Hoje ele me liga e me dá dicas de como melhorar minha dor de cabeça. Pra completar o meu quadro de stress, ele me diz que em sua casa tem um remédio ótimo para dor, que era para eu ir buscar mais tarde.
Lado Ruim: Me comprando com remédio e falso sentimento de preocupação? Vai se fuder, né!

Meu telefone não parou um minuto, e por incrível que pareça, todas as ligações foram de pessoas a fim de sexo sem compromisso financeiro. É tanta gente falando merda, que as próximas gerações vão nascer sem cu!

Meu "deosss", por quê esse povo não morre! Sério, eu curto muito uma amizade. Pena que não são todos que não conseguem entender que se eu procuro, é pra ser amigo e não ter sexo. Ele, meu ex, me procura novamente, com um papinho querendo saber se eu tô bem, e no final, pergunta se poderia ir pra casa.
Lado Ruim: Tem gente que eu não consigo discernir se é burrice ou ingenuidade mesmo. Ai, que falta me faz uma arma nessas horas.

Cara, se o Gui morrer amanhã, vou sentir dó do diabo. O cara é muito chato e vive me mandando solicitação no face. Não sei por que o povo me manda, sendo que se eu aceito, nem falam comigo. O engraçado, é que todas as vezes que me sinto assim, tão péssimo, é o momento em que "bate" alguma coisa nele e o faz me procurar. Isso acontece sempre. O que me cansa é ficar ouvindo que ele está sentindo minha falta e que passa o dia inteiro pensando em mim. Tá, sei bem qual é a dele.
Lado Ruim: Já sofri demais por acreditar em qualquer "eu te amo".´


Anterior Proxima Página inicial