quarta-feira, 25 de setembro de 2013

TUDO QUE É BOM DURA POUCO, SABE POR QUÊ? PORQUE AS COISAS BOAS NOS FAZEM PERDER A NOÇÃO DO TEMPO...

Eu
A comemoração do meu aniversário não ficou somente nas mensagens e ligações que recebi do pessoal. Posso dizer que até hoje, estava em fase de comemoração, curtindo e aproveitando com a galera. Ainda no dia 22, meu aniversário, a galera do serviço fez uma surpresa pra mim, comprando bolo e fazendo uma festinha surpresa. Fiquei feliz com a atitude deles, e sem graça ao mesmo tempo, porque era algo que não esperava. Ainda nesse dia, outro amigo me faz outra surpresa, também me compra um bolo para comemorarmos. Eu estava bem, feliz com alguns presentes que ganhei, mas acima de tudo na paz, tranquilo.

Ontem o dia foi ainda melhor. Acabei saindo com uns amigos, fomos ao cinema assistir Elysium, filme com dois atores brasileiros que agora não tenho a menor lembrança dos nomes, mas muito bom. Depois estendemos o caminho e fomos até Volta Redonda. Nossa intenção era de ficarmos em barzinho, apenas eu, Pete e Érika. Chegando lá ficamos rodando pela cidade, mas nada de acharmos um local bom. Eu achei que na rua do Jardim Amália fosse estar com todos os bares abertos, mas depois me disseram que é só fim de semana. A sorte foi que minha amiga conhecia outro lugar, então, acabamos indo para o Black Jack, um barzinho muito bacana com gente bonita, divertida e bem arrumada. Lugar, que pra mim, é Top. Você via que as pessoas agiam naturalmente, nada de forçar algo que não são, como o povo de Resende gosta de fazer. Pessoas bem vestidas, bebendo, se divertindo e muito lindas. Eu mesmo fiquei interessado em várias pessoas, só não investi, pois não queria transformar o local num "ponto gay". Nos divertimos muito. Foi mais pra dizer que saímos de Resende, que saímos dessa rotina chata e sem nenhum acontecimento interessante por aqui.


Eu e Pete.


Eu e Érika.

Lado Bom: Nossa, que diferença. As meninas do barzinho, ao receber a gente no local, foi de uma simpatia fora do comum, uma educação e simplicidade que me surpreendeu. O que chega a ser bem diferente de Resende, que você já chega no local e a atendente com má vontade te atendendo. Mas no Black Jack, o astral já começa a se animar com as meninas sendo gentis no atendimento. Parabéns!
Lado Bom: Queria agradecer o gerente (ou responsável) que autorizou minha entrada no local. É que eu havia esquecido minha identidade, e com isso é proibida a entrada de qualquer pessoa. Conversei um pouquinho e ele me liberou. Valeu mesmo, pela atenção e educação no atendimento.

 Mudando um pouco de assunto. Então, galera, queria deixar avisado de que NÃO ESTOU NAMORANDO. Eu achei que estivesse em um relacionamento, masss, acho que não estou. Ele não queria nada com nada. Então, quem quiser ainda ter um caso comigo, sabe onde e como me encontrar. Não quero perder tempo em relacionamentos sem fundamento e "ficadas", quero compromisso.


0(24)  9966-5622


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala que eu te escuto