segunda-feira, 31 de março de 2014

DE MENINO POBRE, AGORA RICO!




Me lembro de quando tinha meus 7 anos de idade, quando a minha escola no interior de São Paulo estava fazendo uma excursão para Campos do Jordão. Eu estava animado para ir, mesmo sem saber ou imaginar como seria a cidade, apenas tendo a noção de que seria um lugar muito frio. Minha mãe não deixou que eu fosse, disse que estava sentindo algo de ruim, um mal presságio e, por isso achou melhor ficar em casa. A turma sairia às 4 da manhã. Me lembro como se fosse hoje, neste horário eu acordado muito chateado por não ter ido. O pressentimento ruim que minha mãe teve foi coisa boba, não chegou a acontecer nada demais no caminho. Apenas o ônibus chegou a quebrar, nada mais. Não tinha a noção de tempo daqui até Campos, por isso cheguei a não me arriscar, por achar ser um lugar longe, até descobrir que é mais perto do que imaginava. Coisa boba, ou não, realizei um sonho de criança, matei minha vontade de ir nesta cidade cheia de encanto.





Minha intenção era fazer um bate-volta. Queria conhecer, mas voltaria no mesmo dia. Fui somente com a roupa do corpo, se fosse o caso, compraria algo por lá. Chegando à cidade, comecei a sentir muito frio, por garantia cheguei a fazer uma reserva no hotel, caso fosse realmente ficar. Parei numa loja para comprar uma blusa que vi na vitrine e gostei muito, entro, escolho o que gostei e, quando saio de lá, estava cheio de sacolas de roupas nas mãos. Não voltaria pra casa com aquela sacola toda nas mãos, então, comprei uma mochila, uma mala e fui para o hotel onde a reserva estava me esperando. Fui com a roupa do corpo e voltei cheio de malas. O povo da cidade se veste muito bem, sempre (a maioria) usando roupas de marcas e camisas polo. Pra não ficar de fora da turma, investi pesado ($$$) nas roupas de marcas (achei várias marcas que gosto) e voltei com um guarda-roupa novo. Inclusive, trouxe um tapete feito com pele de carneiro, muito gostoso, para dar de presente a minha sobrinha (pra ela colocar naquela barraquinha que dei a ela). Ah, eu não tive infância, por isso aproveito agora.

A degustação de queijos e vinhos foi uma das coisas que me deixou muito empolgado. Sem contar que adorei a recepção que a dona do hotel que me hospedei teve comigo, muito educada e atenciosa com seus clientes. Conversava comigo sobre pessoas que tentavam prejudicar a imagem do hotel com comentários maldosos no site. Sim, lá também tem gente filha da puta!




No meu último dia de hospedagem conheci o mulçumano, um cara brincalhão que logo de cara me pergunta se não tenho medo de ele ser um terrorista. Respondo a ele que meu interesse aumentou quando soube que ele era muçulmano, disse na brincadeira que o imaginei cheio de bombas e me estourando todo hahaha. Ele estava hospedado no mesmo hotel que eu, e acabamos nos conhecendo na sala de jogos. Muito interessante!


Leia Mais ►

terça-feira, 25 de março de 2014

VOCÊS ME FAZEM BEM...



Com tanta gente que me admira e me respeita, por que vou dar ouvidos às pessoas do contra, que torcem para que eu caia na vida? Obrigado, meu Deus, por colocar em meu caminho pessoas que sabem o valor do respeito e compartilham deste sentimento com o mundo. Obrigado a todas as ligações de pessoas querendo conversar (e parem de dizer que são meus fãs, fico sem graça com isso rrsrsrs) e me desculpem por não os atender sempre. Ou estou ocupado, ou estou com problemas no sinal do telefone.

Amo todos vocês, de coração... Muito obrigado!

Leia Mais ►

domingo, 23 de março de 2014

RESPIRANDO ALIVIADO E CURTINDO A VIDA!

Hoje meu dia foi perfeito. Andei pensando em algumas coisas sobre minha vida e cheguei à conclusão de que tenho de agradecer e muito a Deus e ao personagem Hiago (eu mesmo) por tudo que conquistei. Hoje fui presentear novamente minha sobrinha. Ontem levei antecipadamente ovos de páscoa com algumas peças de roupas (Calvin, claro!), e hoje, dei de presente uma barraca ( infantil), que eu sempre quis ter uma quando criança, mas as condições eram bem diferentes. Me sinto tão bem em gastar e dar presentes. Dar aquilo que eu queria e nunca tive. Foi isso que me fez ver que conquistei uma posição que eu sempre corri atrás, a de ser 100% independente e literalmente dono da minha vida. Bom, o Hiago tem muito com isso, e graças aos riscos noturnos ele conseguiu o que queria. Dinheiro não é tudo, mas já é o começo.

 Estou me sentindo culto a cada dia que passa, e hoje, teve mais uma seção de teatro, mais uma vez com meu amigo participando da peça que era de improviso. Fico imaginando tamanha vergonha que eu sentiria por ter várias pessoas me olhando em cima de um palco. Acho que não seria pra mim, sou tímido haha. A galera manda muito bem, a gente se diverte e muito com a criatividade dessa turma. O que achei bacana e me deixou um pouco nervoso, foi que antes de começar a peça, a gente tinha que colocar num pedaço de papel algum segredo que não contaríamos em público. Na hora recusei, fiquei com medo, sabe? Mas depois um dos organizadores da peça e também participante disse que nossos segredos seriam parte do teatro, e sem eles não teria peça. Daí resolvi colocar no papel um dos milhares de segredos que tenho (sem citar nomes). Meu segredo: Sou garoto de programa e minha tia já solicitou os meus serviços”. Bom, sem comentários, não posso entrar em detalhes sobre isso, sorry. Em quase duas horas de peça, eu vi que minha confissão na tinha sido lida, e achei que fosse até descartada, apesar de ter ouvido confissões absurdas por lá. Vi que tem gente que pega pesado. No fim da peça, pra encerrar, meu segredo foi escolhido e interpretado no palco pra finalizar. MUITO BOM, ADOREI! Tô até pensando em entrar como patrocinador dessa galera, pois eles são perfeitos!

Aê, amigos, tem um novo MC na área. Meu colega tem mil e uma utilidades e uma delas é ser cantor. Ele manda muito bem, muito bem, mesmo! Queria que vocês dessem uma ouvida na música dele e compartilhassem, e claro, seria bom saber a opinião de vocês. Ou me chamem no Whatsapp que envio. 


Boa noite. Agora partiu rua, comer e trabalhar. Afinal de contas, Calvin Klein não cai do céu hahaha.


Leia Mais ►

sexta-feira, 21 de março de 2014

25º DE 365 DIAS: SEXO FREE - BLACK FRIDAY

Check list:

Casa limpa.

Toalhas para banho preparadas.

Casa perfumada (tenho costume de passar perfume nas coisas para a casa ficar mais cheirosa).

Banho tomado.

Dentes escovados.

Corpo perfumado.

 E “chuca” renovada (ele faz a linha passivo, mas vai que resolve enfiar o dedo em mim. Nunca se sabe).

Estava tudo preparado para recebê-lo, depois de muito tempo me dando furo, marcando e não comparecendo, ele resolve dar o ar da graça. Cheguei por várias vezes ficar o esperando, e muito irritado quando horas depois ele vinha com a desculpa de que não daria para me ver. Ontem, Ele pega o último ônibus de Volta Redonda e vem me encontrar, chegando aqui em casa depois de meia-noite. Nosso “ritual” de iniciação continua o mesmo: ele chega, conversamos pouco e, logo em seguida iniciamos a transa, comigo na maioria das vezes o penetrando na posição papai e mamãe. Sempre quando acontece nossos encontros, ele passa a noite comigo. Não vejo problema, e mesmo que tenha outro cliente marcado, faço questão de desmarcar, pois sinto um enorme prazer com ele. Ainda acho curioso o fato de ele ser magro e possuir o rosto cheio, gordinho. Por isso o chamo (em pensamento) de fofão, pois de alguma forma acaba me lembrando o personagem. Depois do primeiro tempo, tomamos banho e ficamos conversando (pouco), abraçados até cair no sono. É muita disposição chegar aqui em casa de madrugada para ter que ir embora cedo dia seguinte. Odeio acordar cedo, mas logo que ele se vai, eu volto a dormir.

Lado Bom: Das últimas vezes ele tinha alegado estar sem grana pra sair comigo, e como ele já é velho de casa (saímos há um bom tempo) acabei dando um “desconto”, sexo free. Pois com ele, eu sabia que não iria me arrepender.


Leia Mais ►

quarta-feira, 19 de março de 2014

CHEGAY!!!

Domingo estava tudo certo para que eu fosse ao Rio de Janeiro fazer o tão esperado passeio de helicóptero, mas um amigo estava fazendo uma peça de teatro aqui na cidade e me convidou para assistir. Pode não parecer, mas adoro teatro e tudo que envolva arte. Foi um espetáculo e tanto, não só dele, mas de toda a turma que estava participando, onde acabou acontecendo no Espaço Z, aqui de Resende. Tenho certeza que a cidade seria bem melhor se investissem em cultura e um pouco mais de educação para as pessoas, de certa forma, influenciasse crianças a gostarem de arte.

Na segunda-feira acabei vindo para Angra dos Reis, onde pude passar mais um dia nesse lugar que amo a cada vinda. O clima ficou ruim quando na segunda à noite eu resolvo comer um big lanche (daqueles enormes) antes de dormir. Resultado: acordei passando muito mal! Tentei ir embora na manhã de terça-feira, mas no que estava dentro do táxi e que estava achando que tinha melhorado, comecei a passar mal, vomitando muito. O jeito foi voltar para o hotel, onde passei o dia todo deitado e me hidratando. Hoje, quarta-feira estou a caminho de casa, bem melhor. Graças a Deus.




Leia Mais ►

sexta-feira, 7 de março de 2014

21º DE 365 DIAS: O CARIOCA

Um lugar, cheiro ou gosto. Sempre tem alguma coisa que nos deixa com saudades, ansioso para voltá-lo a sentir novamente. Foi essa vontade que me fez voltar à Paraty, tanto pela cidade com as pedras centenárias quanto a culinária do local. Aproveitei e fiz algumas compras por lá. Mesmo com a chuva, o lugar continuava encantador. Depois, como de costume, fui me hospedar no meu hotel favorito, em Angra dos Reis, claro.






Nessa minha volta de Paraty, conheci um carioca que estava na cidade há uma semana e que desde minha última ida para a cidade estávamos tentando marcar algo. Ele, como todos os outros, acabou me achando marrento, dizendo que eu merecia levar uma porrada na cara por ser assim. Ele diz isso, pois estávamos marcando desde o último dia em que fui lá (esta semana, dia 01/03), e acabou não dando certo por ele arrumar empecilhos de não me encontrar, acabei dando meus “chiliques” e me irritando, e quando isso acontece, acabo sendo ignorante. Ele começou a arrumar um monte de desculpas, percebi que estava mentindo e isso me incomodou muito, ainda mais por eu ter ficado certo tempo o esperando, e nada. Ontem ele acaba decidindo ir me ver, e como ainda estava puto com ele, acabei sendo curto e grosso (muito grosso), e foi daí que surgiu a vontade de ele me bater. Totalmente diferente do que eu esperava, ele é bem agradável. Não é novidade, ainda mais se tratando de um carioca. Ficamos conversando e planejando um local para ficarmos, pois no hotel onde eu estava e na casa de seu primo (onde ele estava) não daria para ficarmos.  Mais uma vez o mar serviu de testemunha para meus encontros secretos, ou quase, pois enquanto estávamos caminhando pela calçada da praia, ele não se importou em me abraçar e beijar, mesmo tendo um pequeno grupo de pescadores de longe. Confusão com ele eu sei que não iriam arrumar, pois ele além de carioca, é todo malhado, puro músculo.  Difícil alguém querer comprar briga com ele.
Lado Bom: Ficamos atrás de uns barcos, de frente pro mar, onde acabei indo pela segunda vez. Lugar usado não só para sexo, mas por maconheiros de plantão. De ativo e dotado, ele acabou cedendo e me dando sua bundinha. Toda durinha, redonda e grande. Momentos rápidos, mas que foram bons.
Lado Ruim: Queria ter passado à noite com ele, mas como estava na casa dos outros, ele não poderia.


A única coisa chata desta viagem foi uma situação que aconteceu no hotel que eu estava. Como tinha chegado tarde, o cara que fica na recepção acabou dormindo. Era 1 da manhã quando estava batendo na porta para que abrisse pra mim, e nada de ele acordar. Fiquei mais de 40 minutos esperando e batendo na porta, até que tentei ligar para o hotel, onde por “sorte” o telefone estava dando linha ocupada. Estava com fome, cansado e não sabia o que fazer. Acabei mandando mensagem para outro recepcionista (que acabei fazendo amizade) para ver se podia me ajudar, mas como estava tarde (e ele de folga), ele devia estar dormindo. O jeito foi ligar para a matriz do hotel e pedir que ligassem para onde eu estava hospedado. Sei lá, eu achei que tivessem outro número que eles pudessem estar ligando ou algo do tipo, só que, não. Liguei e o rapaz da matriz diz que iria ligar para o hotel. Como ele não deve ter conseguido pelo telefone está sem linha, ele saiu da matriz (é quase perto) e foi me socorrer. Eu achei que ele tinha alguma chave reserva onde fosse abrir pra mim, mas não. Ele chega esmurrando a porta com agressividade e na mesma hora o recepcionista acorda. Como não bastasse, o cara acaba dando a maior bronca no recepcionista, e me deixando sem graça por criar esta situação. Mas não foi por mal, eu juro. Não queria prejudicar ninguém.


Leia Mais ►

quarta-feira, 5 de março de 2014

19º E 20º DE 365 DIAS: TRABALHANDO DURO!

Boa tarde!

Hoje minha manhã foi bem corrida, e pra falar a verdade, ainda está sendo até agora na parte da tarde. O Novinho dormiu em casa hoje, ele veio nesta madrugada onde iria passar apenas algumas horas comigo, mas que logo após “ficarmos”, ele acaba pegando no sono. Foi gostoso, pois aquela sensação de carinho e companheirismo aconteceu entre a gente, quando acordava na madrugada com ele me abraçando e dormindo a mim de conchinha. Eu não havia gozado, e mesmo dormindo, continuei aceso, o alisando a noite toda. Pela manhã ele acorda dizendo que tinha que ir, aproveitei enquanto estávamos abraçados e comecei a animá-lo, onde tudo recomeçou e desta vez acabei gozando.
Lado Bom: Eu acho que estava com meus sentimentos muito a flor da pele, pois a cada toque que ele me dava, sentia como se ele fosse a pessoa certa pra minha vida. É, acho que é carência. Mas desta vez, não. Tô precisando ficar milionário, não apaixonado.
Lado Ruim: Não teve nada de ruim. Com ele, foi tudo perfeito.

O Estranho não é belo, para muitos chega a ser esquisito, mas pra mim, é perfeito! Não procuro beleza, isso não chega a fazer falta quando a pessoa tem algo que o complete e, com ele é assim, no sexo me completa por inteiro, me fazendo chegar ao ponto de quase pagar para que ele fique comigo haha. Depois de o novinho ter ido embora e eu arrumava a casa, o estranho manda mensagem avisando que está em Resende. Como sinto uma enorme atração física nele, não hesitei em chamá-lo para vir ficar comigo. Estava cansado, mesmo assim, começou a acender aquela chama e aos poucos fui ficando excitado por saber que ele estaria aqui.
Lado Bom: Ele não é um “quebra-galho”, mas é alguém que eu posso contar naqueles dias em que estou muito animado a fim de sexo, tendo a certeza de que vou ficar totalmente realizado com ele.
Lado Ruim: Mesmo tendo a ejaculação precoce, fico satisfeito quando ele vem me dar um trato. São alguns minutos que fazem e muito a diferença.

Meus planos para amanhã inclui estar viajando para Angra dos Reis. Alguém me acompanha?


Leia Mais ►

segunda-feira, 3 de março de 2014

DIA DE OSTENTAÇÃO - ANGRA DOS REIS

E ae, galera.

Aposto que muitos já estão de saco cheio por eu sempre estar postando e falando sobre minhas idas e vindas de Angra dos Reis. Mas quando a coisa é boa mesmo, a gente tem que falar. Esse último passeio de barco que fiz, quando fui conhecer a ilha da Flecha, fiquei apaixonado por uma lancha que vi, estava à venda e a preço de banana. Bastava eu fazer uma transferência por DOC e seria minha. Um sonho de consumo que eu não realizei. Motivo? Onde guardaria hahaha.




Bem, depois que eu comprar minha casa lá, aí posso pensar numa lancha.

Fui conhecer o carnaval, mas os passeios de barco foram tão cansativos que acabei dando uma passada rápida pelos blocos, mas não fiquei no meio da folia. O ponto principal estava sendo uma tenda eletrônica montada  no centro.

O almoço em uma das ilhas foi bom, apesar de eu ter pago caro em um prato que não gostava muito, acabei apreciando a comida.




Ótimo dia. Graças a Deus to realizando meu sonho.



Leia Mais ►

domingo, 2 de março de 2014

18º DE 365 DIAS: CARNAVAL ANGRA DOS REIS

Bom dia.




Espero que estejam todos bem e aproveitando este dia de carnaval. Não sou muito chegado, sou mais ficar em casa assistindo filme, pois ninguém merece ficar o dia todo acompanhando escolas de samba pela TV. Gostava de participar (passar vergonha) quando criança. Na minha santa inocência quando me fantasiava e saía todos os dias nos blocos. Ninguém merece! Este fim de semana vim novamente para Angra dos Reis. Mesmo não gostando da farra, vim conhecer o carnaval daqui, sendo este meu primeiro carnaval na cidade. Ontem passei à tarde na praia, o tempo estava nublado, mas a água boa e maré alta. Saí de lá quando eram umas 18 horas, pois o tempo estava mudando e ameaçando chuva. Fiz algumas amizades novas, e graças a Deus, pessoas educadas, que me agradeceram muito por eu ter encontrado um remo que eles perderam no mar.

Mas teve momentos de pegação, sendo que, não foi isso que eu tinha ido buscar lá. Acabei conhecendo dois caras que também tinham acabado de se conhecer e estavam a fim de alguma coisa a três. Escondidinho num cantinho isolado, ficamos os três nos amassos. Entre nós, tinha um coroa, até que charmoso, mas que ficou de fora da brincadeira. Eu estava tentando dar atenção aos dois, mas só que, um deles estava animado demais comigo, fazendo com que o tiozinho ficasse de fora. Ele percebeu a situação e em algumas vezes perguntava se queria que fosse embora para que ficássemos à vontade, mas eu não deixei. Não adiantou, pois o outro que estava animado comigo, pediu para o tiozinho nos dar licença, que acabou aceitando numa boa e nos deixando sozinhos ali. Nossa, fiquei com a maior pena do tio.

Agora estou indo conhecer a Lagoa Azul. Isso se eu achar um barco pra me levar.



Leia Mais ►