quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

OLHA EU AQUI NO RIO, GENTE!!!!


Sempre quando estou decidindo algo importante pra minha vida, eu acabo ficando pensativo, quieto na minha. Isso nem sempre é bom, pois eu acabo ficando paranoico e meus pensamentos acabam me deixando triste. Sendo assim, preciso fazer algo que me dê adrenalina, pois assim penso melhor. Ontem tive um encontro no Rio de Janeiro, e para aproveitar minha ida até a cidade, acabei fazendo um voo de helicóptero para sentir aquele friozinho na barriga e poder pensar melhor sobre meus projetos.

Começar o ano de 2015 do alto, não tem preço. Tive que fazer meu primeiro voo do ano para abrir caminhos para mais e mais voos de helicóptero. Quando eu percebi que estava ficando triste, não penso duas vezes, peço para reservar um voo só pra mim. E como sempre, a emoção foi a mesma de estar sobrevoando o Rio. Pra mim não importa como: se de balão, jato, teco-teco e até com a bicicletinha do E.T, o importante é fazer o que a gente gosta, no meu caso, voar! Fotos no Instagram http://instagram.com/hiagowaldeck

 Depois acabei conhecendo uma figura em pessoa, que mais parece ter saído de um programa de comédia. O Hugo é o cara que marca o encontro. Ele está há um bom tempo juntando dinheiro para poder sair comigo. Eu sei que a situação está difícil, mas não é pra tanto, ter que juntar dinheiro pra passar uma tarde comigo, né. Não acreditei quando ele me revela ter deixado de comprar coisas essenciais para economizar na grana. Ele acordava tarde pra não gastar com o café e ia dormir cedo pra não ter que jantar. Achei lindo da parte dele todo esse esforço, mas acabei ficando com peso na consciência. De carro, ele estava me levando para um daqueles motéis da vida que tem por lá, mas no meio do caminho disse a ele que não iria rolar. Já frequentei muito, mas hoje em dia, não curto motel. Ele, sem jeito, diz que poderíamos ir para sua casa, desde que não reparasse na simplicidade. Bobo, mal sabe ele que eu moro num lugar mais simples que a casa dele.
Lado Bom: Ele foi muito carinhoso comigo, sempre preocupado com meu bem-estar. Acabou me dando uma canseira na cama. Foram três vezes seguidas. Pensei que não ia acabar mais!

O Rio está mudando muito, mas pra pior! Fui solicitar um táxi para me levar até o local de onde sairia meu voo, e o que seria justo cobrar R$ 40,00 reais pela corrida (valor que paguei anteriormente), o taxista me avisa dizendo que a corrida vai ultrapassar R$ 100,00 reais! Na hora eu questionei e disse que da última vez eu havia dado os R$ 40,00 pela corrida, e por que ele estava me cobrando aquele valor. Ele alegou que houve aumento e que todos iriam cobrar nessa faixa. O cara é tão vagabundo, que pela cara do bandido deu pra perceber que ele literalmente estava me assaltando. Acabei andando mais um pouco e achei um taxista que me cobrou o preço certo, e ainda ficou espantado pelo seu amigo de serviço ter tentado me passar a perna.


Antigamente meu medo era de bandidos me assaltarem no sinal. Agora tenho que ficar espertos com os táxis que devem estar trabalhando junto com o crime e nos roubando.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala que eu te escuto